Quatrocantos.com
Recife Rock!

Pesquisa em Quatrocantos.com


Lendas e folclore da Internet. As pulhas virtuais

Desvendando lendas, hoaxes e mitos da Internet desde 1999. Lendas urbanas, pulhas virtuais, boatos, desinformação, teorias conspiratórias, mentiras, vírus, cavalos de tróia, golpes e muitas outras coisas que vagam pela Internet.

Índice alfabético
Índice cronológico

Avise amigo/a:
453

Mais lendas

Identificação de pulhas
Lendas urbanas -1
Pulhas virtuais -1
Vírus de e-mail

Anedotas
Animais
Astros
Auto-ajuda
BBB com vírus
Cartas da Nigéria
Cavalos de tróia

Desastres
Dia Nacional
Drogas
Empresas
Falsos prêmios
Falsos vírus
Filhotes
Fotos & vídeos

Golpes
Golpe do emprego
(job scam)
Golpe do namoro
(romance scam)
Lendas & empresas
Lendas urbanas
Loterias fajutas

Marketing viral
Meias-verdades
Microondas
Nostradamus

Pequenos golpes, grandes pilantras
Política & desinformação
Pulhas virtuais
Receita Federal
Reenvio
Religiões

Saúde
Sobrenatural
Telefone celular
Teorias conspiratórias
Trojans & golpes
Verdades
Vídeos & fotos


Mondex, o biochip 666 da besta, a nova moeda e o apocalipse.

Teoria conspiratória.

O microchip da besta

A história cita a Bíblia, mistura fatos reais, poucos, e muita imaginação. Circula em formato .pps desde 2003 e, no fundo, tudo não passa de um grande delírio.

O chip contido em uma das imagens existe e chama-se RFID, abreviatura de Radio Frequency IDentification, identificador de radiofrequência ou Radiofrequência para Identificação Digital.

O conceito básico do RFID, o envio e recepção de sinais de ondas eletromagnéticas para identificação do emissor, surgiu na década de 40 do século passado.

Criado em 1969 e patenteado em 1973, somente em meados da década de 80 o RFID passou a ser usado com maior intensidade na indústria e comércio graças a exigências de grandes redes de supermercados, especialmente a Walmart.

A implantação de microchip em animais é feita desde o início da década de 90.

Ao contrário dos chips mencionados na mensagem e que serviriam para substituir o dinheiro do mundo, os chips usados em animais não servem para eles irem às compras sem o conhecimento do dono nem tampouco como inibidor de sequestros. O RFID serve para identificar o animal, sua linhagem e propriedade e também para localizar animais perdidos.


Comentários sobre algumas frases contidas no texto.

...bateria de Lítio recarregável. A bateria é recarregada por um circuito de termopar ...

RFID não tem bateria recarregável.

No equipamento do tipo passivo a alimentação da carga é feita pelo equipamento leitor. O RFID ativo é alimentado por uma bateria interna e tem vida limitada (v. RFID - IDENTIFICAÇÃO POR...)

 

Ele vem como uma novidade “vantajosa”, que eliminará qualquer necessidade de se usar documento ou dinheiro!

Desde o surgimento dos cartões magnéticos de bancos e de administradoras de cartão de crédito que o uso do dinheiro vivo vem caindo em todo o mundo. O cartão é mais prático, mais seguro e substitui grande quantidade de transações com cheques.

Fica difícil acreditar que essa tecnologia venha a eliminar qualquer necessidade de se usar documento ou dinheiro!

 

Eles estão produzindo atualmente um bilhão de biochips MONDEX por ano

As primeiras mensagens sobre o chip da besta surgiram em 2003. Em julho de 2010, decorridos sete anos e considerando a suposta produção de um bilhão de microchips por ano, toda a população mundial já deveria estar vacinada com o dispositivo. Pelo menos no meu caso, ainda não tenho o meu implantado. E você?

 

Mais de 250 corporações em 20 países estão envolvidos ... entre elas: REINO UNIDO, Canadá, ... El Salvador e agora Brasil.

Se chegou ao Brasil em 2003, até hoje o meu ainda não apareceu por aqui. É porque eu moro longe? Culpa de quem? Da besta? Ela é ineficiente?

 

Estão sendo usados outros sistemas de SMARTCARD em favor do MONDEX,...

Não dá para entender o significado da frase. Smartcard é marca registrada pertencente à empresa Smart Card Alliance que nada tem a ver com cartão de crédito nem com automação.

Mondex® é marca pertencente à empresa Mastercard. O URL http://www.mondex.com.br também pertence à Mastercard e sua página redireciona para mastercard.com.br.

Resta saber se agora, depois de tanta besta, apocalipse e conspirações envolvendo o Mondex® a Mastercard vai usar essa marca. Quanto custaria "limpar" o nome Mondex®?

 

...gastaram mais de 1.5 milhões de dólares ... para saber o melhor local para colocar este biochip no corpo...

Eles só acharam dois lugares ... - a TESTA, de baixo do couro cabeludo, e a parte de trás da mão, especificamente a MÃO DIREITA!

Couro cabeludo na testa?

Se tivesse havido uma revelação adequada não haveria necessidade de gastar tanto dinheiro: bastava ler o Apocalipse.

Por menor que seja, o microchip apresenta algum volume. Ele mede uns 3 mm de espessura por cerca de 8 a 12 mm de comprimento. A sua implantação entre o osso e a pele da mão ou do rosto não seria recomendada por conta do risco de acidente. Caso a pessoa bata com a cabeça em algum objeto, ou o contrário, um objeto bata na cabeça dele certamente o equipamento seria estilhaçado.
Pessoas que o têm implantado o fazem na parte posterior do braço.

 

E fez que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, lhes fosse posto um sinal na mão direita, ou na fronte. (Apocalipse.13:16)...

A profecia (profecia?) já previa o surgimento da microeletrônica? Se o importante é o sinal, ele bem que poderia ter sido feito, e há muito tempo, por meio de uma tatuagem.

 

...o implante do biochip na mão direita ou na testa, onde não poderá ser tirado ... visto que se for tirado cirurgicamente, o invólucro se quebrará e o indivíduo será contaminado pelo Lítio... e logo o sistema ... detectará esta retirada e colocará a polícia em alerta.

É uma visão que nem o próprio George Orwell previu no seu livro 1984.

Se o invólucro vai quebrar com o manuseio, como é que ele foi parar lá dentro do corpo da vítima?

E o que é pior: a contaminação pelo lítio ou a presença da polícia? Já que a medicina usa o lítio como estabilizador do humor a quebra do recipiente pode até se considerar como um preparo para lidar com a chegada da polícia. (Péssima :{

A mesma tecnologia que permite o uso do microchip possibilita a criação de barreiras contra as ondas de rádio de modo que nenhum sinal possa ser emitido nem recebido pelo equipamento.

 

Mas os chips implantáveis não são coisa muito segura e já começaram a surgir problemas. Em maio de 2010, pesquisadores descobriram que o RFID é capaz de contrair vírus de computador e isso pode ser fatal para o usuário.

Não que o vírus de computador venha a contaminar o organismo, mas caso o chip seja implantado para controlar alguma função vital, isso pode ser desastroso.

Com essa os profetas do apocalipse não contavam ):

 

Recentes pesquisas demonstraram que o uso do microchip em animais não é seguro. Estudos realizados nos EUA demonstraram que animais de laboratório contraíram câncer após implante de microchip (v. Chip Implants Linked ...). Há quem considerem tais estudos como não conclusivos.

 

Conclusão: essa história de biochip ou microchip da besta não é coisa a ser levada a sério.

Mais microchips.

Chip Implants Linked to Animal Tumors (...animal test results do not necessarily apply to humans, said the findings troubled them. Some said they would not allow family members to receive implants, and all urged further research before the glass-encased transponders are widely implanted in people.)

NEW RFID Blocking Wallet

RFID chip implanted into man gets computer virus (26.05.2010)

RFID - IDENTIFICAÇÃO POR RADIOFREQÜÊNCIA

Tutoriais Banda Larga

Veterinary Studies Show RFID Implants Can Trigger Cancer

 

Mensagem e texto original da apresentação em Powerpoint Slide sem correções.

Sent: Tuesday, November 04, 2003 3:15 PM
Subject: Mondex - A nova moeda

O QUE VOCÊ VAI VER AGORA...

É A MAIS RECENTE NOVIDADE DESTE MUNDO...

É DO TAMANHO DE UM GRÃO DE ARROZ

O microchip da besta

Ele vem como uma novidade “vantajosa”, que eliminará qualquer necessidade de se usar documento ou dinheiro!

O microchip da besta

Já é usado como inibidor de sequestros por empresários no mundo inteiro.

O microchip da besta

E você usará, pelas vantagens e por imposição...

FUJA DISSO!!!

VEJA POR QUE ...

A MOTOROLA é que está produzindo o microchips para o MONDEX SMARTCARD que desenvolveu vários implantes em humanos usando o bio-chips.

O microchip da besta

TRANSPONDER É UM SISTEMA DE ARMAZENAMENTO E LEITURA DE INFORMAÇÃO EM UM MICROCHIP, CUJA LEITURA SE DÁ EM ONDAS COMO DE CONTROLE REMOTO

O bio-chip mede 7mm de comprimento e 0.75mm em largura, mais ou menos o tamanho de um grão de arroz. Contém um transponder e uma bateria de Lítio recarregável. A bateria é recarregada por um circuito de termopar que produz uma corrente elétrica com flutuações da temperatura do corpo.

Mondex, o chip da besta

MEMORIZE ESTE NOME E SUA MARCA:

Mais de 250 corporações em 20 países estão envolvidos trazendo MONDEX para o mundo e muitas nações já foram “privilegiadas” para usar o sistema; entre elas:

REINO UNIDO, Canadá, E.U.A., Austrália, Nova Zelândia, Israel, Hong Kong, China, Indonésia, Macau, Malásia, Filipinas, Cingapura, Tailândia, Índia, Taiwan, Sri Lanka, Costa Rica, Guatemala, Nicarágua, Panamá, Honduras, El Salvador e agora Brasil.

Mondex, o microchip da besta

Estão sendo usados outros sistemas de SMARTCARD em favor do MONDEX, especialmente desde que o MASTER CARD comprou uma participação de 51% apostando na companhia.

Mondex, o microchip da besta Mondex, o microchip da besta Mondex, o microchip da besta Mondex, o microchip da besta

Então você perguntaria...

Mondex, o microchip da besta

Afinal, o que EU tenho a ver com isso?

Eles gastaram mais de 1.5 milhões de dólares nos estudos para saber o melhor local para colocar este biochip no corpo humano.

Eles só acharam dois lugares satisfatórios e eficientes - a TESTA, de baixo do couro cabeludo, e a parte de trás da mão, especificamente a MÃO DIREITA!

E fez que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, lhes fosse posto um sinal na mão direita, ou na fronte. (Apocalipse.13:16)(ler Apocalipse 13:14 a 16).

Mondex, o microchip da besta   Mondex, o microchip da besta

NÃO É MUITA CONICIDÊNCIA?

Eles estão produzindo atualmente um bilhão de biochips MONDEX por ano e eles já estiveram em produção durante pelo menos um ano. Eles descobriram que se o chip estivesse no cartão, haveria alguns problemas sérios.

O chip podia ser cortado e informações seriam mudadas ou falsificadas. Os valores podem ser alterados, pode ser quebrado, roubado ou perdido.

Após a implantação do cartão, este mesmo deverá sair fora de uso dentro de alguns anos (1 a 2 anos ou mais um pouco) .

Enfim o dinheiro vivo não será mais seguro para o comércio em geral. Há uma só solução para este problema que é seguido pela Motorola, é o implante do biochip na mão direita ou na testa, onde não poderá ser tirado depois de feito o implante, visto que se for tirado cirurgicamente, o invólucro se quebrará e o indivíduo será contaminado pelo Lítio, contido dentro da micro bateria, e logo o sistema de posicionamento global detectará esta retirada e colocará a polícia em alerta.

Ainda, o MONDEX quer dizer... " dinheiro na mão direita. "
MONDEX MON = monetário - pertencendo a dinheiro.
DEX = DEXTER - pertencendo ou localizado à mão direita

E aí, vai encarar?

Mondex, o microchip da besta

Se você achou interessante este email, repasse para o maior número de pessoas que puder.

http://www.Lucent.com.br/
http://www.mondex.com/
atp://www.cibc.com/index.html
http://www.mondexusa.com/

CLICK NESTES LINKS ACIMA PARA SABER DETALHES SOBRE O GRUPO QUE PRETENDE GOVERNAR ESTE PLANETA.

 

Ex-Presidente da República
Cavalo de troia

 



Outras mensagens do gênero

- Funcionário é demitido por não usar o número 666 no uniforme da empresa
- Apocalipse já! O juízo final está próximo: prepara-te para a atribulação!
- Foto milagrosa e sagrada de Jesus Cristo?
- Michel Temer é satanista?
- Mondex, o biochip 666 da besta, a nova moeda e o apocalipse
- A cruz milagrosa do batismo de Valentino Mora
- Milagre abala o Egito
- Leis contra igrejas e evangélicos: desinformação e terrorismo midiático
- Ra-tim-bum significa maldição?
- Nossa Senhora Aparecida cura bispo da IURD
- A quem pertence esta mansão? Ao bispo Edir Macedo da IURD?
- Karen Fisher, primeira fotografia da alma humana
- Mensagem que denuncia satanismo de Xuxa instala trojan
- Hello Kitty é produto de pacto com o demônio?
- Poeira (de Ivete Sangalo) nos olhos de exegetas escatológicos
- Você realmente confia em Deus? O alpinista incréu
- A cruz do capeta da Honda Titan 150
- Blasfêmia contra Jesus
- Bill Gates é o Anticristo e a Besta do Apocalipse
- Mel Gibson, o homem sem rosto
- A renovação da águia
- Procter & Gamble, uma empresa do diabo
- Esqueleto gigante confirma a Bíblia
- A última ceia
- Cientistas chegam às portas do inferno
- Aserejé satânico: mantra de forças malignas

 

Mais teorias conspiratórias

- Mega-sena: a casa caiu? Os concursos 1225 e 1226 da Mega-sena foram manipulados?
- Fraude na Mega-Sena. Caiu a casa da Mega-Sena?
- Mondex, o biochip 666 da besta, a nova moeda e o apocalipse
- O perigo das canetas Bic
- Motivos para não tomar a vacina contra a gripe H1N1
- Vôo 1907: tragédia, conspirações e vigarices



Siga pulhas virtuais no Twitter

Serviço
Central Nacional de Denúncias de Crimes Cibernéticos
Netiqueta
Teclas de atalho do Mozilla

Dicas
Arquitetando
Coelhos e coelhinhos
Deixando Rastros
Guia do rock!
Refletindo


 


Antispam   Arquitetura on-line   Barcos à venda   Bandeiras dos estados brasileiros   Brasões dos estados do Brasil   Campo Formoso Gem Show   Campo Formoso, terra de esmeraldas   Carnaval de Olinda   Jóias em prata   Imagens do Brasil   Lendas e folclore da Internet, as pulhas virtuais   Minerais   Pedras preciosas   Vídeos   Sisal   Home
Todos os Direitos Reservados. Copyright Gevilacio Aguiar Coelho de Moura © 1999 - 2014. Quatrocantos.com, Quatrocantos.net.br. Reprodução permitida desde que informado o endereço (URL) desta página. As lendas, os boatos, os falsos vírus, golpes e histórias semelhantes são aqui divulgados da forma como chegam às nossas caixas de correio e não somos responsáveis pelo seu conteúdo nem tampouco por eventuais consequências da divulgação ou do seu uso indevidos. Ajude a manter a Internet livre de spam, de boatos e de golpes: envie o URL desta página para quem enviou mensagem contendo a lenda aqui mencionada.