Quatrocantos.com
Recife Rock!

Pesquisa em Quatrocantos.com


Lendas e folclore da Internet. As pulhas virtuais

Desvendando lendas, hoaxes e mitos da Internet desde 1999. Lendas urbanas, pulhas virtuais, boatos, desinformação, teorias conspiratórias, mentiras, vírus, cavalos de tróia, golpes e muitas outras coisas que vagam pela Internet.

Índice alfabético
Índice cronológico

Avise amigo/a:
229

Mais lendas

Identificação de pulhas
Lendas urbanas -1
Pulhas virtuais -1
Vírus de e-mail

Anedotas
Animais
Astros
Auto-ajuda
BBB com vírus
Cartas da Nigéria
Cavalos de tróia

Desastres
Dia Nacional
Drogas
Empresas
Falsos prêmios
Falsos vírus
Filhotes
Fotos & vídeos

Golpes
Golpe do emprego
(job scam)
Golpe do namoro
(romance scam)
Lendas & empresas
Lendas urbanas
Loterias fajutas

Marketing viral
Meias-verdades
Microondas
Nostradamus

Pequenos golpes, grandes pilantras
Política & desinformação
Pulhas virtuais
Receita Federal
Reenvio
Religiões

Saúde
Sobrenatural
Telefone celular
Teorias conspiratórias
Trojans & golpes
Verdades
Vídeos & fotos


Você realmente confia em Deus?
O alpinista incréu.

Lenda de auto-ajuda

Esportes radicais. Alpinista incréu

Essa curiosa parábola de auto-ajuda circula pela Internet em versão Powerpoint.

Ela é curiosa por vários motivos.

1. Menciona um alpinista que, embora supostamente experiente, pois pretendia escalar uma altíssima montanha, era extremamente imprudente. Uma das normas mais elementares do alpinismo é jamais escalar uma montanha sozinho. Essa norma se aplica a outras atividades esportivas como o mergulho autônomo, mergulho em apnéia, o rafting bem como a outros esportes chamados radicais.

Pois bem, nosso amigo da fábula saiu sozinho...

2. Diz que foi ficando tarde e mais tarde, e ele para ganhar tempo decidiu por não acampar. Mais imprudência e irresponsabilidade. Se a subida foi planejada ele saberia, com antecedência, quais os pontos de parada e descanso e saberia que o planejado deveria ser cumprido à risca. E não iria sozinho...

3. Afirma que Ao subir por um caminho estreito, a apenas poucos metros do topo. Como ele sabia que estava perto do topo se a noite era muito densa e, certamente, muito escura? A quem ele contou essa proximidade do topo?

4. Conta que O alpinista via apenas velozes manchas escuras passando por ele. Como ele podia ver as manchas se o texto diz que não se podia ver absolutamente nada ?

5. Narra que [o alpinista] sentiu um fortíssimo solavanco, causado pelo esticar da corda. Um solavanco tão forte teria matado o alpinista na hora. Veja que ele caía a uma velocidade vertiginosa.

6. Relata que o alpinista queria a glória só para si. Além de imprudente e irresponsável, esse rapaz era muito egoísta. O egoísmo não parece ser uma virtude muito apreciada por Deus.

Leia o diálogo que o alpinista travou com Deus antes de morrer. Algo estranho? Nada estranho a não ser que o alpinista foi encontrado morto no dia seguinte.

Ora, se ele já estava morto quando foi encontrado, a quem ele contou o diálogo com Deus, a visão das manchas, a decisão de continuar a subida mesmo sendo noite escura e tudo o mais narrado no texto?

A montanha não podia ser tão alta nem tampouco altíssima, pois o alpinista em menos de 24 horas já estava a poucos metros do topo. Além disso, a equipe de resgate o encontrou no dia seguinte, e durante o dia, pois se já fosse noite não veria nada.

Algumas perguntas:

Foi o cadáver do alpinista quem contou essa história toda à equipe de resgate?

Ou foi o espírito de auto-ajuda que baixou na equipe de resgate e fez com que os seus integrantes criassem tão edificante parábola?

Por que Deus não falou para o alpinista algo como "Corta logo essa corda Mané, pois estás a menos de 2 metros do chão, filho imprudente"?

Hugo Bezerra, um dos nossos colaboradores, ficou intrigado com essa história. Veja os comentários dele:

"Me 'emocionei' com esta história. Só fiquei curioso em saber como ela se espalhou... Isto me faz lembrar a pegadinha... A história de um homem com problemas cardíacos que não podia ter sustos pois poderia morrer. Um dia, ele sonha que está sendo perseguido por um assassino. No momento do sonho em que ele recebe a facada, tem um ataque e morre."

Intrigada não com o autor do texto de auto-ajuda, mas com a nossa análise, Lilia, uma perspicaz colaboradora, faz um paralelo com a fábula da galinha dos ovos de ouro. Diz ela em sua mensagem:

"...Vejamos agora o análise da fábula do mesmo modo que vc analisou a fábula do alpinista:

...

Como ter certeza se realmente existiu a tal galinha se o autor [Esopo] não apresenta provas?

Onde estão esses ovos já que nenhum museu do mundo possui um exemplar?

A ciência não explica nem endossa a possibilidade de um animal ovíparo colocar ovos que não sejam biológicos, daqueles que costumamos usar para fazer omelete.

O fato é que uma FÁBULA, CONTO, ou qquer outro texto de "auto-ajuda" ou similar não é nem tenta parecer REAL. É, apenas, uma maneira de expressar uma idéia ou sentimento através de imagens ou deixar um ensinamento e as pessoas que o repassam não têm intenção de dar a conhecer um fato REAL ou JORNALÍSTICO. ..."

Os leitores comentam.


Mensagem original sem correções.

Você Realmente Confia em Deus?

Contam que um alpinista, desesperado por conquistar uma altíssima montanha, iniciou sua escalada depois de anos de preparação. Como queria a glória só para si, resolveu subir sem companheiros .

Durante a subida foi ficando tarde e mais tarde, e ele para ganhar tempo decidiu por não acampar, sendo que continuou subindo... e por fim ficou escuro.

A noite era muito densa naquele ponto da montanha, e não se podia ver absolutamente nada. Tudo era negro, visibilidade zero, a lua e as estrelas estavam encobertas pelas nuvens.

Ao subir por um caminho estreito, a apenas poucos metros do topo, escorregou e precipitou-se pelos ares, caindo a uma velocidade vertiginosa.

O alpinista via apenas velozes manchas escuras pasando por ele e sentia a terrível sensação de estar sendo sugado pela gravidade. Continuava caíndo... E em seus angustiantes momentos, passaram por sua mente alguns episódios felizes e outros tristes de sua vida.

Pensava na proximidade da morte, sem solução...  De repente, sentiu um fortíssimo solavanco, causado pelo esticar da corda na qual estava amarrado e presa nas estacas cravadas na montanha.

Nesse momento de silêncio e solidão, suspenso no ar, não havia nada que pudesse fazer, então  gritou com todas as suas forças: 

— Meu Deus, me ajuda !!!

De repente, uma voz grave e profunda vinda dos céus lhe respondeu:

— QUE QUERES QUE EU TE FAÇA?

— Salva-me  meu DEUS  !!!

— REALMENTE CRÊS QUE EU POSSO SALVÁ-LO?

— Com toda certeza Senhor !!!

— ENTÃO CORTA  A CORDA NA QUAL ESTÁS AMARRADO...

Houve um momento de silêncio. Então o homem agarrou-se ainda mais fortemente  à corda..

— PORQUE DUVIDAS? NÃO CRÊS QUE SOU DEUS E POSSO SALVA-LO?

— Sim Senhor, mas...

— SE CRERES VERÁS A GLORIA DE DEUS, CORTA A CORDA!!!

Conta a equipe de resgate, que no outro dia encontraram o alpinista morto, congelado pelo frio, com as mãos agarradas fortemente à corda... 

A  APENAS  DOIS METROS  DO  SOLO...

E você?  Cortaria a corda ?

Às vezes precisamos tomar decisões que testam nossa fé em Deus. E nós, que estamos tão agarrados às cordas? Será que a cortaríamos?

Devemos, diariamente exercitar nossa confiança em Deus lembrando-nos sempre que “ O Senhor nosso Deus nos segura pela mão e nos diz: Não temas, Eu te ajudo”  Isa. 41:13

Se esta mensagem lhe foi útil, compartilhe-a com alguém. Deus te abençoe...

A Melhor maneira de ser feliz é contribuir para a felicidades dos outros.
Deus sabe o que faz!

 

Versão de novembro de 2009

Sent: Friday, November 13, 2009 6:52 AM
Subject: Dúvida ou Confiança?


Dúvida ou Confiança?

Contam que um alpinista desesperado por conquistar uma altíssima montanha, iniciou sua escalada depois de anos de preparação. Como queria a glória só para ele, resolveu ir sem companheiros. Durante a subida foi ficando tarde e mais tarde, e ele não havia se preparado para acampar, sendo que decidiu seguir subindo e, por fim ficou escuro. A noite era muito densa naquele ponto da montanha, e não se podia ver absolutamente nada. Tudo era negro, visibilidade zero, a lua e as estrelas estavam encobertas pelas nuvens. Ao subir por um caminho estreito, a apenas alguns metros do topo, escorregou e, precipitou-se montanha abaixo, caindo a uma velocidade vertiginosa. O alpinista via apenas velozes manchas escuras passando por ele e sentia a terrível sensação de estar sendo sugado pela gravidade, continuava caindo. E em seu angustiante momento, passaram por sua mente episódios felizes e outros tristes de sua vida. Pensava na proximidade da morte, sem solução. De repente, sentiu um fortíssimo solavanco, causado pelo esticar da corda na qual estava amarrado e presa nas estacas cravadas na montanha. Nesse momento de silêncio e solidão, suspenso no ar, não havia nada que pudesse fazer, e gritou com todas as suas forças.

- Meu DEUS, me ajuda!

De repente, uma voz grave e profunda, vinda dos céus lhe respondeu:

- QUE QUERES QUE EU TE FAÇA?

- Salva-me meu DEUS!

- REALMENTE CRÊS QUE EU POSSO SALVÁ-LO?

- Com toda certeza SENHOR!

- ENTÃO CORTA A CORDA NA QUAL ESTÁ AMARRADO.

Houve um momento de silêncio, então o homem agarrou-se ainda mais forte na corda.

Uma equipe de resgate conta que encontraram um alpinista morto, congelado pelo frio, com as mãos agarradas fortemente a corda...

...A APENAS DOIS METROS DO SOLO.

E você, cortaria a corda?

As vezes precisamos tomar decisões que testam a nossa fé em DEUS. E você? Que está tão agarrado as cordas, te soltarias?

Devemos, diariamente exercitar nossa confiança em DEUS, lembrando-nos sempre que,

"O SENHOR NOSSO DEUS NOS SEGURA PELA MÃO E NOS DIZ: NÃO TEMAS, EU TE AJUDO" (Is 41.13)

 

Alpinista
MSN pago



Outras mensagens do gênero

- Funcionário é demitido por não usar o número 666 no uniforme da empresa
- Apocalipse já! O juízo final está próximo: prepara-te para a atribulação!
- Foto milagrosa e sagrada de Jesus Cristo?
- Michel Temer é satanista?
- Mondex, o biochip 666 da besta, a nova moeda e o apocalipse
- A cruz milagrosa do batismo de Valentino Mora
- Milagre abala o Egito
- Leis contra igrejas e evangélicos: desinformação e terrorismo midiático
- Ra-tim-bum significa maldição?
- Nossa Senhora Aparecida cura bispo da IURD
- A quem pertence esta mansão? Ao bispo Edir Macedo da IURD?
- Karen Fisher, primeira fotografia da alma humana
- Mensagem que denuncia satanismo de Xuxa instala trojan
- Hello Kitty é produto de pacto com o demônio?
- Poeira (de Ivete Sangalo) nos olhos de exegetas escatológicos
- Você realmente confia em Deus? O alpinista incréu
- A cruz do capeta da Honda Titan 150
- Blasfêmia contra Jesus
- Bill Gates é o Anticristo e a Besta do Apocalipse
- Mel Gibson, o homem sem rosto
- A renovação da águia
- Procter & Gamble, uma empresa do diabo
- Esqueleto gigante confirma a Bíblia
- A última ceia
- Cientistas chegam às portas do inferno
- Aserejé satânico: mantra de forças malignas



Siga pulhas virtuais no Twitter

Serviço
Central Nacional de Denúncias de Crimes Cibernéticos
Netiqueta
Teclas de atalho do Mozilla

Dicas
Arquitetando
Coelhos e coelhinhos
Deixando Rastros
Guia do rock!
Refletindo


 


Antispam   Arquitetura on-line   Barcos à venda   Bandeiras dos estados brasileiros   Brasões dos estados do Brasil   Campo Formoso Gem Show   Campo Formoso, terra de esmeraldas   Carnaval de Olinda   Jóias em prata   Imagens do Brasil   Lendas e folclore da Internet, as pulhas virtuais   Minerais   Pedras preciosas   Vídeos   Sisal   Home
Todos os Direitos Reservados. Copyright Gevilacio Aguiar Coelho de Moura © 1999 - 2014. Quatrocantos.com, Quatrocantos.net.br. Reprodução permitida desde que informado o endereço (URL) desta página. As lendas, os boatos, os falsos vírus, golpes e histórias semelhantes são aqui divulgados da forma como chegam às nossas caixas de correio e não somos responsáveis pelo seu conteúdo nem tampouco por eventuais consequências da divulgação ou do seu uso indevidos. Ajude a manter a Internet livre de spam, de boatos e de golpes: envie o URL desta página para quem enviou mensagem contendo a lenda aqui mencionada.